segunda-feira, 26 de dezembro de 2011

MAIS DO QUE SÓ PALAVRAS


"Eu te amo..." Algo tão significativo e profundo, tão sério e contundente e às vezes usado com tanta facilidade e futilidade. Como pode ao mesmo tempo significar tanto e não significar nada.
Perdendo assim a importância e o seu real significado.

"Amor" no dicionário significa: Sentimento que impele as pessoas ao que é digno ou grandioso, imensa afeição ou grande amizade. Porém o que vemos em certos momentos é a banalização do seu sentido.

Dizer "eu te amo" é dizer a alguém que esse alguém é importante e especial pra você, que é alguém em quem confia, que pode contar com você em qualquer situação e que é fiel à ela. E que continuará amando-a ainda que cometa erros, que perdoará seus muitos erros.

Amar alguém é ser capaz de respeitar as diferenças, suportar os defeitos e acima de tudo conviver. Dizer a alguém " eu te amo" sem convivermos com esse alguém, sem conhecer seus defeitos, sem que haja algum tipo de identificação entre nós, é como dizer "eu te amo" a um desconhecido, e isso não é amor. É um querer bem, desejar a felicidade, torcer pelo sucesso, e não amar...

Existem tantas formas de expressar o quanto gosta de alguém, sem que use essa expressão tão importante e que diz tanto sobre você. Diz sobre você porque mostra seu caráter. Se você diz "eu te amo" a alguém que não é tão importante na sua vida é porque é superficial com seus sentimentos ou porque há algum tipo de interesse por trás dessa frase, sim pra você são apenas palavras.

"Eu te amo" é sentir na alma... E se torna uma expressão vazia quando dita em momentos não oportunos, ou quando não se sente realmente aquilo que diz. Apenas uma frase vazia.
Mais do que palavras, "eu te amo" é atitude, é mostrar que se importa, é as vezes abrir mão de sí mesmo pelo outro, é sentir falta da presença da outra pessoa, é defende-la ainda que a razão não esteja com ela e acima de tudo é sentir de verdade...

Palavras são só palavras... E o amor se mostra nas atitudes, no dia a dia, nos momentos bons e ruíns.
Se não pode sentir na alma e ter atitudes que contemplem esse amor, não diga: "eu te amo", pois além de não ser verdadeiro é injusto com aqueles que realmente são importantes na sua vida, e que você ama de verdade. Pode se tornar tão vazio em você que quando dita em verdade não soará mais tão importante para aquele que a ouve.

Nenhum comentário:

Postar um comentário